Como ser mais produtivo?

Como ser mais produtivo?

Por Anderson Albuquerque


O sonho de todas as empresas é poder aliar produtividade às horas trabalhadas por seus funcionários. Mas seria esse um ideal inatingível? Quais são os fatores que levam os funcionários a se tornarem mais produtivos? Qual o modelo ideal de empresa: a tradicional, cujos funcionários trabalham no mínimo 8 horas por dia com horário fixo, ou a flexível?


As empresas de tecnologia – um exemplo clássico é o Google - e as startups são conhecidas por terem horários flexíveis e oferecerem regalias aos funcionários, como salas de jogo, massagem, sala de descanso, academia, etc.


Atualmente, para competirem com estas empresas, as tradicionais estão adotando algumas destas medidas, como um dia de home office por semana, jornada especial na sexta-feira e até mesmo aumento de salário – um investimento que visa aumentar a produtividade. Independentemente do tipo da empresa, o objetivo delas é o mesmo: produtividade, pois quanto maior a produtividade, maior o lucro.


“Queria que meu dia tivesse 48 horas!” Quem nunca ouviu esta frase? Muitos funcionários acreditam que para conseguir realizar toda a demanda de trabalho que lhes é dada seria preciso que o dia tivesse mais horas. No entanto, a solução é saber como ter mais produtividade através do melhor aproveitamento do seu tempo.


É preciso, antes de mais nada, ser uma pessoa orientada para os resultados. Planeje seu dia de trabalho no dia anterior, listando as tarefas que precisam ser cumpridas, em ordem de prioridade. Assim, quando chegar ao trabalho no dia seguinte, já saberá exatamente por onde começar.


Outra regra de ouro para aumentar a produtividade é: evite reuniões quando elas não forem sobre algo realmente decisivo. Muitas empresas fazem reuniões presenciais sobre assuntos que poderiam ser resolvidos através de e-mail, ligações ou até mesmo uma conversa em grupo no WhatsApp.


Um fator muito importante é o autoconhecimento. Há pessoas que produzem melhor pela manhã, outros à tarde, à noite ou até mesmo de madrugada. É necessário identificar em que período somos mais produtivos, para nele realizar as tarefas mais difíceis e deixar as tarefas de menor complexidade para os períodos em que não somos tão eficazes.


Um erro que muitos funcionários cometem é querer realizar diversas tarefas ao mesmo tempo para otimizar seu resultado final. No entanto, é fundamental realizar uma tarefa de cada vez. Na maioria das vezes, as tarefas exigem um alto nível de concentração, então realizar várias ao mesmo tempo significa um risco enorme de falhas. Se fizermos uma de cada vez, mas com foco, certamente a produtividade será maior do que fazer várias simultaneamente sem a mesma concentração.


Existem hoje no mercado várias ferramentas, softwares e hardwares que auxiliam no aumento da produtividade. O Google Now é um exemplo. Ele serve como um assistente pessoal, e pode ser utilizado em tablets, smartphones e notebooks. Com este aplicativo, é possível fazer pesquisas na internet, criar lista de tarefas, fazer anotações, mandar mensagens e realizar chamadas usando somente o comando de voz.


Planejar o resultado a ser obtido. Esta parece uma dica óbvia, mas nem todo funcionário que realiza uma tarefa tem em mente qual seu resultado final, que objetivo deseja alcançar. Ao decidir qual deve ser o resultado antes mesmo de começar, você canaliza todos os seus esforços para atingi-lo, aumentando a chance de conseguir o que almeja.


Tente se desconectar do mundo virtual e das notícias. Vivemos na era da instantaneidade, somos bombardeados com uma enxurrada de informações o tempo todo, a todo minuto, todos os dias. Para ter total foco e produtividade em uma tarefa, é preciso concentração, e ficar conectado ao que acontece nas redes não irá ajudar.


Delegue tarefas. Esta é uma das questões mais difíceis para algumas pessoas, pois acreditam que “ele não fará tão bem quanto eu” ou “é melhor eu fazer logo e resolver isso”. No entanto, ao delegar tarefas, podemos nos surpreender ao encontrar funcionários que as realizam tão bem ou melhor do que faríamos, e assim teremos mais tempo disponível.


Além de todas estas questões, é essencial para qualquer ser humano se alimentar bem, dormir bem e se exercitar. Estar com corpo e mente sãos é primordial para qualquer aspecto da vida, e no trabalho isto significa estar mais bem-disposto e saudável, o que certamente interfere positivamente na produtividade.


O aumento da sua produtividade no trabalho, do seu lucro e de seu crescimento profissional só dependem do seu esforço e dedicação. Não se prenda somente à teoria, coloque todas as estratégias possíveis em prática, o quanto antes. Por mais que pareça clichê, a máxima ainda é uma verdade absoluta: tempo é dinheiro. Então, não perca mais um segundo do seu, mãos à obra!